OrtoImagem - Centro de Ortopedia e Imagem - Tubarão/SC

Notícias

Síndrome da Banda Iliotibial: lesão que atinge principalmente os corredores

02/12/2019A Síndrome da Banda Iliotibial é o termo designado para dor na região lateral do joelho.

Síndrome da Banda Iliotibial: lesão que atinge principalmente os corredores

Atualmente é possível ver nas grandes e pequenas cidades grupos de corridas, ciclismos e caminhadas, esportes estes que são muito benéficos para a saúde quando existe um acompanhamento físico e alimentar, mas em casos onde o acompanhamento é deixado de lado surgem às lesões, entre elas, a Síndrome da Banda Iliotibial, conhecido popularmente como “joelho do corredor”, que prejudica atletas de alto rendimento e amadores.

De acordo com o Dr. Luciano Dias Batista, Ortopedista e Traumatologista do esporte, especialista em cirurgia do joelho da Ortoimagem, a Síndrome da Banda Iliotibial é o termo designado para dor na região lateral do joelho, que é comum em corredores e ciclistas de longa distância, principalmente os atletas em fase de “overtraining” (excesso de exercício físico) e muitas vezes apresentam fraqueza subjacente ao músculo abdutor do quadril. Corredores homens podem exibir falhas cinemáticas, como: rotação interna do quadril aumentada e joelho varo, além de fraqueza nos músculos rotadores externos do quadril. Corredoras mulheres podem exibir adução do quadril aumentada e rotação interna do joelho.

 A causa da dor está relacionada ao atrito do tendão na face lateral da coxa com uma protuberância óssea lateral (epicôndilo) do fêmur, próximo ao joelho, que acaba gerando uma inflamação neste local, causando dor durante a atividade física e em alguns casos, aumento de volume no local (inchaço).

Entre os principais sintomas está a dor na lateral do joelho que piora ao correr e ao subir ou descer escadas. “A dor é mais frequente no joelho, mas ela pode se estender até o quadril, influenciando toda a parte lateral da coxa”, diz.

De acordo com Dr. Luciano o diagnóstico da Síndrome da Banda Iliotibial é feito pela história clínica do paciente e exame físico. Os exames por imagem podem ajudar a confirmar o diagnóstico, mas não são necessários para o início do tratamento.

O tratamento é baseado no repouso relativo da articulação, sessões de fisioterapias para a diminuição da dor, liberação miofascial, massagem esportiva, fortalecimento de glúteo médio e educativo de corrida. “Alguns recursos, além dos manuais, também costumam ser eficientes no tratamento, como o laser, ultrassom e terapia por onda de choque. O tempo de reabilitação é bastante variável, podendo durar de algumas semanas até meses. Cada tratamento deve ser individualizado para evitar ao máximo caso de recidivas”, diz.

Após a reabilitação o Ortopedista esclarece que o atleta pode retornar às atividades físicas normalmente, mas para prevenir recomenda realizar um treinamento bem orientado com a ajuda de profissionais da área e respeitando o limite de cada um. “Evitar fatores de risco como: excesso de treinamento, sobrepeso, tabagismo é muito importante. Iniciar corridas ou ciclismo em curtas distâncias e aumentar gradativamente, realizando, de maneira concomitante, treinos de fortalecimento muscular e alongamentos dos grupos musculares do membro inferior”, conclui.

 

Francine Germano de Andrade

Jornalista (SC 4381 JP) 

Relações Públicas/Marketing

Imagens da Notícia

  • Imagem

Últimas Notícias

Artroplastia de quadril: saiba mais sobre este procedimento cirúrgico
Artroplastia de quadril: saiba mais sobre este procedimento cirúrgico Geralmente esses pacientes que realizam esta cirurgia, têm artrose. 06/08/2020 Leia mais
Endometriose:   Mulheres podem engravidar sem ter complicações na gestação?
Endometriose: Mulheres podem engravidar sem ter complicações na gestação? Especialistas explicam o que é a doença, o tipo de exame mais recomendado e as formas de tratamento. 24/07/2020 Leia mais

Como agendar sua consulta

Consulte a disponibilidade de nossos especialistas e agende uma consulta.


Contato telefônico

(48) 3631-1400 | (48) 3631-1401


Nosso endereço

Rua Padre Bernado Freuser, 228 - Tubarão / SC


Horário de agendamento

08:00 às 18:00 - sem fechar ao meio-dia


Na hora marcara, dirija-se a Ortoimagem. Nossa equipe ficará feliz em recebê-lo(a).


Atenção!

Não está incluso no valor da consulta os exames por imagem e procedimentos realizados na sala de gesso.


Meus Exames

Como agendar seu exame

Agenda seu exame com um de nossos colaboradores.


Contato telefônico

(48) 3631-1413 | (48) 3631-1433


Nosso endereço

Rua Padre Bernado Freuser, 228 - Tubarão / SC


Horário de agendamento

08:00 às 18:00 - sem fechar ao meio-dia


Nossa equipe ficará feliz em recebê-lo(a).


Atenção!

Horário diferenciado para realização dos exames de Ressonância Magnética

Segunda a sexta-feira

07:00 às 23:00 - sem fechar ao meio-dia


Meus Exames