OrtoImagem - Centro de Ortopedia e Imagem - Tubarão/SC

Notícias

Lombalgia atinge 80% da população

13/11/2018Diariamente homens e mulheres, entre eles, jovens e idosos procuram consultório de um ortopedista.

Lombalgia atinge 80% da população

Diariamente homens e mulheres, entre eles, jovens e idosos procuram consultório de um ortopedista. A queixa mais comum, a chamada “dor nas costas, ou lombalgia”. Uma dor que ocorre na parte inferior da coluna vertebral. De acordo com especialistas cerca de 80% das pessoas terão pelo menos um episódio de lombalgia na sua vida. Este percentual pode subir, devido o aumento do número de idosos. 

 

Segundo o médico, Dr. Martins Back Netto, Ortopedista  e Traumatologista, especialista em cirurgia da coluna vertebral da Ortoimagem, a coluna vertebral é composta em geral por 33 vértebras, sendo 7 cervicais, 12 dorsais, 5 lombares, 5 sacrais e 4 coccígeas. A explicação para as dores lombares serem as mais comuns, está muitas vezes na postura, isto é, causado por má posição para sentar, se deitar, se abaixar no chão ou carregar algum objeto pesado. Para o Dr Martins a lombalgia também pode estar associada a outras patologias, como; doenças inflamatórias, doenças infecciosas, tumores, fraturas, doenças ginecológicas e urológicas. 

 

Uma grande parcela da população nos dias de hoje convive com a dor lombar. Sendo que as mais propensas a desenvolver a lombalgia são as sedentárias, ansiosas, depressivas, pessoas com insatisfação profissional, trabalhos físicos pesados que exijam movimentos repetitivos de flexão, posições estáticas prolongadas, sentado ou em pé.

 

O ortopedista explica que a lombalgia pode ser identificada através da história clinica do paciente junto com exame físico realizado pelo médico especialista. Os exames por imagem auxiliam na investigação diagnostica, dentre eles destacam-se a radiografia simples, tomografia e a ressonância magnética. 

 

Para o tratamento, muitas vezes é importante identificar as causas da dor lombar. Mas geralmente é feito com medicação, reabilitação da coluna com terapias: como fisioterapia, pilates, hidroginástica, acupuntura, osteopatia, quiropraxia. “Somente 1 a 2% necessitam de tratamento cirúrgico. O mais importante é o diagnóstico correto para o sucesso do tratamento”, afirma Dr. Martins.

 

Francine Germano de Andrade

Jornalista (SC 4381 JP)

Relações Públicas/Marketing

 

Últimas Notícias

Doença de Dupuytren: conheça as caraterísticas e como voltar a movimentar todos os dedos da mão
Doença de Dupuytren: conheça as caraterísticas e como voltar a movimentar todos os dedos da mão As pessoas mais propensas a desenvolver a patologia são as do sexo masculino, principalmente entre 40 a 60 anos. 06/08/2019 Leia mais
Dor nos membros superiores pode estar relacionado a problemas na coluna
Dor nos membros superiores pode estar relacionado a problemas na coluna Dependendo da raiz acometida a dor pode se irradiar por distintas partes no membro superior. 29/07/2019 Leia mais

Como agendar sua consulta

Consulte a disponibilidade de nossos especialistas e agende uma consulta.


Contato telefônico

(48) 3631-1400 | (48) 3631-1401


Nosso endereço

Rua Padre Bernado Freuser, 228 - Tubarão / SC


Horário de agendamento

08:00 às 18:00 - sem fechar ao meio-dia


Na hora marcara, dirija-se a Ortoimagem. Nossa equipe ficará feliz em recebê-lo(a).


Atenção!

Não está incluso no valor da consulta os exames por imagem e procedimentos realizados na sala de gesso.


Meus Exames

Como agendar seu exame

Agenda seu exame com um de nossos colaboradores.


Contato telefônico

(48) 3631-1413 | (48) 3631-1433


Nosso endereço

Rua Padre Bernado Freuser, 228 - Tubarão / SC


Horário de agendamento

08:00 às 18:00 - sem fechar ao meio-dia


Nossa equipe ficará feliz em recebê-lo(a).


Atenção!

Horário diferenciado para realização dos exames de Ressonância Magnética

Segunda a sexta-feira

07:00 às 23:00 - sem fechar ao meio-dia


Meus Exames